Menu
busca avançada

Voltar

Notícias

Cubatão é incluída no projeto Verão no Clima, do Governo do Estado04/01/2018

Programa de conscientização ambiental, lançado nesta quinta-feira (04), ficará concentrado no Parque Ecológico do Perequê
 
Cubatão é uma das 16 cidades do litoral paulista participantes do projeto "Verão no Clima", lançado nesta quinta-feira (04) pelo Governo do Estado, em solenidade realizada na Praia do José Menino, em Santos, com a presença do secretário estadual do Meio Ambiente, Maurício Brusadin.

A cidade foi representada no ato pelos secretários municipais do Meio Ambiente (Semam), Mauro Haddad Nieri, e de Comunicação Social, Renata Rocha, bem como por Patrícia Cristina Barbosa, diretora de Saneamento e Gestão Ambiental, que coordenou as gestões da Semam visando à adesão de Cubatão ao programa e atua como responsável pela contratação de monitores, acompanhando toda a realização desse evento no município.

Participaram também Oswaldo Iucon, assessor de Mudanças Climáticas da secretaria estadual; Mário Mantovani, do programa SOS Mata Atlântica; Mariana Gianiaki, consultora da Associação Nacional dos Órgãos Municipais de Meio Ambiente (Anamma Brasil) e o ambientalista e ex-deputado Fábio Feldmann, além de secretários de meio ambiente de outros municípios da Baixada Santista.

Como Cubatão é o único município da região sem praia de mar, o projeto se concentrará no Parque Ecológico do Perequê, onde está a praia fluvial do Rio Perequê, de grande freqüência popular nos meses de verão.

Importância - A inclusão de Cubatão no "Verão no Clima", segundo Mauro Haddad, significa o reconhecimento oficial do Perequê como um dos importantes atrativos para o verão, no Litoral. "O projeto é uma ação de conscientização do público sobre as mudanças climáticas e a importância de se ter um verão sem resíduos sólidos, que as pessoas não deixem lixo nas áreas de preservação. O objetivo é mostrar o que a pessoa pode ou não fazer dentro do Parque do Perequê, para que ela curta seu lazer, tome seu banho de rio, desfrute do ambiente natural, numa relação saudável em que a pessoa entenda que o lixo não faz parte desse ambiente, precisa ser levado embora, acondicionado de maneira correta".

Conforme explica o secretário, as atividades querem atingir um novo patamar de conscientização: "Além de levar as pessoas a usarem mais vezes as garrafas e os copos, em vez de descartá-los após o primeiro uso, o objetivo é fazer com que consumam de modo mais consciente, repensando sua relação com o resíduo, reaproveitando por exemplo as garrafas pet para criar brinquedos. Reciclar sempre que possível, só o rejeito deve ir para um aterro sanitário".

Atividades - "Cubatão está inserida no projeto em parceria com a secretaria estadual: teremos monitores que atuarão no Parque do Perequê nesse período, eventos e campanhas de conscientização em janeiro", completou Mauro Haddad.

Ali, no dia 3 de fevereiro, haverá um grande mutirão de limpeza, das 8 às 13 horas e, até o dia 14 de fevereiro, de quinta a domingo, das 8 às 18 horas, ocorrerão diversas atividades, como corridas, caminhadas, tendas temáticas e abordagens. Serão acompanhadas por 12 monitores ambientais e o objetivo, segundo a Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que atuará em parceria com a secretaria municipal, é conscientizar e esclarecer os turistas sobre hábitos corretos de descarte e redução de resíduos.

O local - A Praia do Perequê está situada próximo do sopé da Serra do Mar e compõe o Parque Ecológico do Perequê. Seu acesso é feito a partir do Km 4 da Rodovia D.Domênico Rangoni (Cubatão-Guarujá).

Além dos trechos para natação, caminhadas, lazer e campismo, uma de suas maiores atrações é a cachoeira Véu da Noiva, com cerca de 60 metros de altura. Durante o verão, o local atrai milhares de moradores de Cubatão e turistas, principalmente nos fins de semana, quando chega a receber cerca de 5 mil pessoas. Ele compõe o Parque Ecológico do Perequê.

Como as demais praias do Litoral, a área conta com sistema de monitoramento de qualidade das águas pela Companhia Ambiental do Estado (Cetesb), apresentando excelentes resultados ao longo do ano.

Esse ano, além da estrutura já existente no parque, como portaria, área administrativa e banheiros, o programa "Verão no Clima" ampliará o atendimento ao público com ações de conscientização dos turistas.

O projeto - O "Verão no Clima" foi inspirado no conceito do projeto "Operação Praia Limpa", iniciado em 1987 pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) e desenvolvido durante nove anos pela Secretaria de Meio Ambiente.

Nas 16 cidades litorâneras, mais de 350 monitores e cerca de 1.500 voluntários estarão diretamente envolvidos nas atividades de educação ambiental, que visam a promover uma mudança de comportamento nas pessoas em relação aos cuidados ambientais com as praias e com o meio ambiente.

As atividades do programa serão desenvolvidas nas praias de Santos (Gonzaga, Boqueirão, Embaré, Aparecida e José Menino), São Vicente (Itararé), Praia Grande (Boqueirão e Cidade Ocian), Bertioga (Boraceia e Enseada), Guarujá (Tombo, Pitangueiras, Astúrias e Mangue do Perequê), Cubatão (Parque do Perequê), Peruíbe (Costão e Ribamar), Mongaguá (Centro e Agenor de Campos), Itanhaém (Centro e Gaivotas), Cananeia (Beira Mar e Pereirinha - Ilha do Cardoso), Iguape (Centro, Barra do Ribeira e Balsa), São Sebastião (Cigarras, Maresias e Juquehy), Caraguatatuba (Martin de Sá e Cocanha), Ubatuba (Picinguaba, Maranduba e Enseada) e Ilhabela (Perequê e Curral).
 
Texto: Paulo Mota  MTb: 12.814 e Renata Rocha



Prefeitura Municipal de Cubatão
Secretaria de Comunicação

Galerias de Imagens

Tags

Leia Também