Menu
busca avançada

Voltar

Notícias

Inaugurada Oficina de Corte e Costura de Cubatão27/11/2018

Importância das parcerias entre a administração pública e a iniciativa privada foi destacada na solenidade
 
A importância das parcerias entre a Administração Pública e a iniciativa privada foi destacada na manhã desta terça-feira (27) durante a inauguração da Oficina de Corte e Costura do Centro Vocacional Tecnológico, que terá capacidade para gerar trabalho e renda para cerca de 320 pessoas, anualmente. A oficina, situada na Rua Dr. Fernando Costa, n° 1096, foi montada mediante convênio entre a Prefeitura e a empresa VLI - Valor de Logística Integrada.

Em seu discurso, o prefeito Ademário Oliveira lembrou que parcerias reais entre a atual administração municipal e empresas têm permitido à Prefeitura superar grandes desafios em época de crise econômica e recursos públicos escassos. Citou como exemplo a parceria com a Fundação São Francisco Xavier, que possibilitou a recuperação do Hospital Municipal e a futura implantação, no prédio antes abandonado do teatro municipal, de um centro de oncologia e hemodiálise, e o convênio com o Centro Universitário São Judas Tadeu, que possibilitará a instalação da faculdade de Medicina de Cubatão. Conforme o prefeito, a faculdade será fator de aquecimento do comércio local, principalmente no setor hoteleiro.

No caso da Oficina de Costura, a VLI entrou com um aporte de R$ 800 mil, que possibilitou a aquisição das máquinas industriais e demais equipamentos, além da adaptação do espaço, cabendo à Prefeitura a cessão do espaço, aquisição de material didático, contratação de professores e administração geral da unidade.

O vice-prefeito e secretário municipal de Planejamento, Pedro de Sá, também destacou a importância das parcerias: "É um dos melhores instrumentos para se atingir resultados positivos", disse. O presidente da Câmara Municipal, vereador Rodrigo Ramos Soares (Alemão), disse que a realização de parcerias produtivas tem sido possível porque os poderes Executivo e Legislativo se propuseram, nos últimos dois anos, a resgatar a credibilidade das instituições públicas locais perante a iniciativa privada.

Para Leopoldo José Gimenes, gerente geral do Terminal Integrado Portuário Luís Antonio Mesquita (Tiplam), unidade da VLI, as parcerias geram riqueza e trabalho. "É edificante dar valor à sociedade", afirmou. O secretário municipal de Assistência Social, Sebastião Ribeiro do Nascimento (Zumbi) destacou: "As parcerias possibilitam a transformação das crises em oportunidades".

A inauguração da Oficina de Corte e Costura teve, ainda, a participação da orquestra Cubatão Sinfonia, regida pelo maestro André Farias.

Inscrições - As inscrições para os interessados nos cursos da oficina  começam em janeiro. Mas, enquanto a Prefeitura organiza a questão de contratação de professores, material didático e as programações de aula, o espaço vai oferecer, agora em dezembro, cursos livres de geração de renda para o Natal. Será ensinada a confecção de guirlandas e anjinhos natalinos. Os interessados devem se inscrever no próprio Centro Vocacional no próximo dia 29, das 9h às 16h. Os cursos terão duração de três dias, sempre no período da tarde. O número de vagas é limitado.

Quando em efetivo funcionamento, a oficina terá curso de corte e costura, dividido em dois módulos (básico e avançado), com 200 horas de duração cada um. No básico, o participante aprende a manipular a máquina de costura, realizar medidas e conversões, ajustes e reformas, acabamentos e customização em geral. Já no avançado, estuda técnicas mais robustas que incluem processo produtivo, malharia, costura sob medida, montagem de peças e como organizar a produção.

Há também as formações mais curtas, com 40 horas de duração, que acontecem sazonalmente e tem o objetivo principal de capacitar e gerar renda para os participantes de forma rápida, sempre visando o conhecimento técnico, mas acrescentando conceitos de precificação e empreendedorismo.

Texto: Paulo Mota - MTb 12.814

Galerias de Imagens

Tags

Leia Também