Cubatão, 1 de novembro de 2014

Tempo

00ºC / 00ºC

Qualidade do ar

Notícias

Saúde Meio Ambiente Cubatão+20 19/06/2012

HMC integra Rede Global dos Hospitais Verdes e Saudáveis

O Hospital Municipal de Cubatão Dr. Luiz de Camargo da Fonseca e Silva, desde maio deste ano, é o primeiro hospital do Brasil a integrar a Rede Global dos Hospitais Verdes e Saudáveis. O selo é outorgado pela Ong internacional Saúde Sem Dano. O objetivo da iniciativa é promover a sustentabilidade ambiental no setor de saúde. Para o diretor geral do HMC, Leandro Batista Firme, "ser um hospital verde e saudável significa que toda a equipe do hospital está engajada com o desenvolvimento sustentável, criando ações que diminuam os riscos ambientais e preocupados em melhorar a qualidade da saúde pública e ambiental, mitigando os impactos que contribuem para causar mais doenças, reconhecendo a relação entre a saúde humana e o meio ambiente".

A Rede Global dos Hospitais Verdes e Saudáveis defende 10 objetivos sustentáveis para serem difundidos em todos os continentes: as lideranças devem priorizar a saúde ambiental; trocar o uso de substâncias perigosas por alternativas mais seguras;reduzir, tratar e dispor de forma segura os resíduos de serviços de saúde;implementar eficiência energética e geração de energia limpa e renovável; reduzir o consumo de água e fornecer água potável; melhorar as estratégias de transportes para pacientes e funcionários; comprar/oferecer alimentos saudáveis cultivados de forma sustentável e reutilizar resíduos alimentares;prescrição apropriada, administração segura e destinação correta de medicamentos; apoiar projetos e construções de hospitais verdes e saudáveis e comprar produtos e materiais mais seguros e sustentáveis.

O Hospital Municipal de Cubatão tem no mínimo uma ação para cada um dos princípios, conforme as ações descritas a seguir:

Liderança: priorizar a saúde ambiental.
No HMC, toda a alta gestão está envolvida com a sustentabilidade, participando ativamente de um Comitê sobre o tema. Além de existir um setor específico para implantar e supervisionar as ações da área, para divulgar o conceito entre todos os colaboradores foi criada e divulgada a Política de Sustentabilidade da instituição. O hospital ainda possui uma Comissão de Consumo Consciente que tem como objetivo propor ações práticas no dia a dia para todos os setores. Pelo segundo ano consecutivo, o HMC publica seus relatórios de sustentabilidade que são checados pela Ong GRI, nível C.

Substâncias Químicas: trocar substâncias perigosas por alternativas mais seguras
O Hospital Municipal de Cubatão trocou todos os equipamentos, termômetros e lâmpadas que continham mercúrio, metal que é altamente tóxico, para evitar contaminar colaboradores e clientes. Desta forma, conquistou o selo Hospital Mercury Free (Livre de Mercúrio).

Resíduos: reduzir, tratar e dispor de forma segura os resíduos de serviços de saúde
A instituição possui um abrigo de resíduos para separar os tipos de lixo; além da coleta seletiva que é empregada em todos os setores da instituição. Os lixos limpos são entregues à cooperativas de reciclagem.

Energia:implementar eficiência energética e geração de energia limpa e renovável.
Todas as lâmpadas foram trocadas por fluorescentes que além de reduzirem custos não tem risco de contaminação. Os elevadores e a Lavanderia foram modernizados gerando economia;Otimização da Central de Ar Comprimido; Mapeamento energético para individualização de circuitos; Implantação de sensores de presença em escadarias e áreas pouco movimentadas; Central (GLP)que serve às atividades do SND, não havendo caldeiras para a geração de vapor e Consumo de GLP é monitorado diariamente pelo setor de Manutenção Predial.

Água: reduzir o consumo de água e fornecer água potável
O HMC implantou uma rotina diária de busca de vazamentos de água,Modernizou a Central de Gases Medicinais, com novo compressor de ar medicinal e sistema de vácuo medicinal, eliminando o uso de água e Melhorou a Central de Ar-Condicionado, vedando as bombas com sistema de selo mecânico, evitando perda de água.
Todos os galões de água foram trocados por bebedouros instalados nas dependências da instituição e os clientes recebem água mineral.

Transporte: melhorar as estratégias de transportes para pacientes e funcionários
Incentivo à carona solidária entre os colaboradores.

Alimentos: comprar/oferecer alimentos saudáveis cultivados de forma sustentável e reutilizar resíduos alimentares
Posto de coleta de óleo de fritura que será reciclado para produzir biocombustível para aumentar a renda de instituições beneficentes

Produtos Farmacêuticos: prescrição apropriada, administração segura e destinação correta
Todo frasco ou embalagem de medicamento vazio, após ser limpo de maneira adequada, é entregue na brinquedoteca do HMC onde é reciclada e transformada em brinquedo.
Mensalmente são enviadas pelo setor de Farmácia instruções aos médicos como forma de otimizar suas práticas de prescrições de medicamentos.
O setor realiza palestras para a comunidade ensinando a conservação de medicamentos e o descarte correto para evitar contaminação do meio ambiente.

Edifícios: apoiar projetos e construções de hospitais verdes e saudáveis
Está em estudo um projeto parao reaproveitamento de água da chuva que será utilizada na limpeza das áreas externas da instituição.

Compras: comprar produtos e materiais mais seguros e sustentáveis
O HMC está desenvolvendo uma política de compras com foco na sustentabilidade voltada para a aquisição de produtos e equipamentos seguros.
 
Fonte: Assessoria de Imprensa do HMC
Responsável: Vanessa Ratton
 
Prefeitura Municipal de Cubatão
Secretaria de Comunicação
Fonte: www.com.br Secretaria de Saúde