Menu
busca avançada

Voltar

Notícias

Cubatão vacinará preventivamente contra febre amarela em 13 unidades de Saúde12/01/2018

Estrutura da cidade está pronta para a nova antecipação da data anunciada pelo governo do Estado
 
As unidades de Saúde de Cubatão estão prontas para a campanha preventiva contra a febre amarela, antecipada pelo Governo do Estado para começar em 25 de janeiro, com término em 17 de fevereiro em toda a região. Em Cubatão, as doses serão aplicadas em 13 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Saúde da Família (USFs), de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas, com exceção da USF de Pilões, que fará a vacinação às terças-feiras, das 9 às 14h. O Ministério da Saúde garante que haverá vacina para toda a população. A dose fracionada, usada durante esta campanha, é eficaz e imuniza durante oito anos.

Haverá dois "dias D", nos sábados (dias 3 e 17), em que as 13 unidades estarão abertas das 8 às 17 horas para aqueles que não conseguirem se vacinar durante os dias úteis. A Secretaria de Saúde do município ressalta que a campanha é preventiva e que Cubatão não registrou qualquer caso ou suspeita em 2018 e 2017.

Doses não fracionadas, com imunização para a vida toda, continuam sendo ofertadas somente para pessoas que forem viajar para áreas afetadas, mediante senha. Nesse caso, a vacinação ocorre às segundas e sextas-feiras, das 8h às 11h30, na UBS da Vila Nova; e às terças e quintas-feiras, das 8h às 12h, na UBS do Jardim Casqueiro.

Até o momento, cerca de 600 pessoas tomaram a dose não fracionada em Cubatão ao longo de janeiro. Em 2017, foram 3.402 doses. Essas e outras pessoas que já foram imunizadas não precisam voltar a tomar a vacina em 2018.
 
Não precisam - Além de quem já está imunizado, não devem tomar a vacina mulheres em qualquer fase de gestação ou amamentando até os nove meses do bebê, bebês antes dos nove meses, pessoas com alergia a ovos, pacientes em tratamento de quimioterapia ou radioterapia, paciente que fazem tratamento com corticóides ou imunossupressores, pacientes com doenças autoimunes, doenças hepáticas, hematológicas, renais e neoplásicas.

A Secretaria de Saúde do Estado destaca que deverão consultar o médico sobre a necessidade da vacina pessoas acima de 60 anos, portadores de HIV, pacientes com tratamento quimioterápico concluído, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue e doença falciforme.

O Governo do Estado avisa que a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) se refere a viajantes internacionais que venham para o Estado e que nos últimos três anos cerca de 10 milhões de pessoas foram vacinadas no Estado em áreas de risco.
 
Confira a lista de locais de vacinação da campanha:
 
USFCota 200
Endereço: Via Anchieta, Km 50
Telefone: 3372-5591
 
USF Cota 95
Endereço: Rua Marginal do Oleoduto s/nº
Telefone: 3377-1727
 
USF Ilha Caraguatá
Endereço: Rua Fued Farah s/nº
Telefone: 3364-1041
 
USF Jardim Nova República (Bolsão 8)
Endereço: Av. Dep. Esmeraldo Tarquínio s/nº
Telefone: 3364-2010 / 3364-3629
 
USF Mário Covas
Endereço: Rua das Primaveras s/nº, Vila Natal
Telefone: 3372-3849
 
USF Morro do Índio
Endereço: Avenida Principal nº 4.003
Telefone: 3372-1110
 
USF Pilões
Endereço: Caminho dos Pilões nº 974
Telefone: 98846-5762
 
USF Vila dos Pescadores
Rua Santa Júlia s/nº
Telefone: 3364-4002
 
UBSVila São José
Endereço: Avenida dos Bandeirantes s/nº
Telefone: 3372-7340
 
UBS Jardim 31 de Março
Endereço: Rua Antonio Simões s/nº
Telefone: 3372 6379
 
UBS Área 5
Endereço: Rua Manoel Leal s/nº, Jardim Costa e Silva
Telefone: 3361-6848 / 3361-8536
 
UBS Vila Nova
Endereço: Rua São João, 185
Telefone: 3361-9818
 
UBS Jardim Casqueiro
Endereço: Rua Espanha s/nº
Telefone: 3364-1447




Texto: Alessandro Atanes - MTb 650/96 DRT-MT

Tags

Leia Também