Grupos Artísticos de Cubatão: 200 artistas em "Espetáculo de Natal" neste sábado (14)

Apresentação acontece a partir das 20h no Vão Cultural do Parque Anilinas

Os Grupos Artísticos de Cubatão encerram o ano de atividades com o “Espetáculo de Natal” reunindo cerca de 200 artistas entre músicos, bailarinos, regentes e coreógrafos. A apresentação, que faz parte do calendário oficial “Natal Feliz” da Secretaria de Cultura, acontece neste sábado (14) às 20h no Vão Cultural do Parque Anilinas (Av. Nove de Abril, s/nº), com entrada gratuita. Participam: Banda Sinfônica de Cubatão, Cia de Dança de Cubatão, Banda Marcial e Corpo Coreográfico, Grupo Rinascita de Música Antiga, Corais Raízes da Serra e Zanzalá.
A Banda Sinfônica contará com regência do maestro titular, Marcos Sadao Shirakawa. A equipe, formada por cerca de 50 músicos com seus instrumentos de madeira, metais e percussão, interpretam: “Fanfare for Spartacus”, de James Curnow; “How the Grinch Stole Christmas”, de Albert Hague; e “Christmas Celebration”, de Peter Koval. Já a premiada Cia de Dança, com direção artística de Flávia Sá e coreografias de Zeca Rodrigues, levará as montagens “Natal Feliz” e “Celebration”, esta de Claudionor Alves.
Já o Grupo Rinascita promete encantar a todos com sua Música Antiga e canções que fizeram sucesso nos salões de baile da Europa renascentista: “Il trotto”, “Miri it is” e “Greensleeves”, de autores anônimos, além de “La Bataille”, de Jacques Moderne e “The Frog Galliard”, de  John Downland, entre outras. A direção artística é de André Farias. A Banda Marcial e seu Corpo Coreográfico, respectivamente comandados pelo  maestro Alexandre Felipe Gomes e coreógrafa Jhully Batista, apresentam: “Halloween Main Theme”, do espetáculo Halloween, e canções com temas natalinos.
O Coral Raízes da Serra, com regência de Sandra Diogo Moço, interpretará”Tiro ao Álvaro”, de Adoniran Barbosa; “Xote das meninas”, de Luiz Gonzaga; “Estrela de Natal”, um Pastoril Alagoano; e “Natal Branco”, de Irving Berlin. E o Coral Zanzalá interpretará canções com temas natalinos sob a regência de Nailse Machado (maestrina titular) e Maria Fernanda Tavares (assistente).
Ao fim, todos se juntam para apresentar a “Apoteose da obra Fantasia Sinfônica 2001”, uma composição do maestro Roberto Farias, atualmente coordenador dos Grupos Artísticos de Cubatão. “Será um momento de confraternizarmos”, comemorou o maestro.
O projeto de retomada dos Grupos Artísticos foi possível por meio da assinatura de um termo de fomento que se encerra agora em dezembro. A verba para manutenção dos grupos partiu das emendas impositivas feitas por vários vereadores que entenderam a necessidade do retorno desse trabalho. As emendas foram de R$ 495 mil e mais um aditivo do orçamento da Secretaria Municipal de Cultura, de R$ 1 milhão, para execução desse plano até o final do ano. O termo foi celebrado junto às Associações de Músicos da Banda Sinfônica de Cubatão (AMBSC) e de Amigos da Banda Marcial de Cubatão (Asabamc), que ficaram responsáveis pela gestão dos grupos e, ainda, do projeto Criando Oportunidades, que abraçou a Banda Marcial Infantil e Corpo Coreográfico e oficinas de formação musical e de dança.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM

© Copyright Prefeitura Municipal de Cubatão - 2021. Todos os direitos reservados - DSJ Soluções Digitais