Boletim coronavírus – 24/01/22

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que nesta segunda-feira (24/01/2022) o município tem 17.097 casos confirmados da covid-19. Atualmente são 519 notificações suspeitas do novo coronavírus, investigadas e com acompanhamento da Vigilância Epidemiológica. Outros 25.299 casos foram descartados e 16.423 pessoas estão recuperadas (fim do isolamento social ou alto hospitalar).

Mortes
A SMS registra 519 óbitos confirmados de residentes desde o início da pandemia; 6 mortes estão sendo investigadas suspeitas de terem sido causadas pela covid-19. Até o momento 51 óbitos foram descartados após teste do novo coronavírus.

Censo covid-19 – SUS e convênios
Leitos ocupados – 6
Taxa de ocupação do dia – 75%
Taxa de ocupação semanal – 62,50%

Obs: Desde 1°/11/21, a UTI Covid-19 do Hospital Municipal de Cubatão está com 8 leitos. Devido à redução de leitos, houve automaticamente um aumento da taxa de ocupação.

Vacinação covid-19 – de acordo com o Vacinômetro de 24/01/22 às 16h

207.592 – Doses aplicadas
91.706 – Primeira dose
84.084 – Segunda dose
28.535 – Terceira dose/adicional
3.267 – Doses únicas

ESQUEMA DE VACINAÇÃO
Confira idades, grupos e intervalos entre doses:

Obrigatório apresentar CPF e documento com foto ao receber qualquer uma das doses. Na segunda e doses adicionais, apresentar a carteirinha constando a(s) dose(s) anterior(es).

1ª DOSE
A partir de 12 anos de idade (menores de 18 anos devem estar acompanhados por um adulto responsável ou ter em mãos um termo de responsabilidade). É necessário apresentar comprovante de residência.

De 5 a 11 anos de idade, crianças com comorbidades, deficiências, indígenas e quilombolas. É obrigatória a apresentação do documento de identidade ou cartão SUS da criança, comprovante de residência e comprovante da condição de risco: exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica.

De 9 a 11 anos de idade, crianças sem comorbidades.

Menores de idade devem estar acompanhados por responsáveis ou ter em mãos um termo de responsabilidade, além de documento (CPF ou cartão SUS) e comprovante de residência. No caso de comorbidades, os responsáveis devem comprovar a condição com exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica.

De acordo com o informe técnico da Secretaria de Saúde do Estado, crianças com comorbidades devem ser imunizadas somente com a dose pediátrica da Pfizer, assim como crianças sem comorbidades de 5 anos a 5 anos 11 meses e 29 dias.

2ª DOSE
Coronavac: 28 dias (quatro semanas) a partir da primeira dose;
Astrazeneca: 56 dias (oito semanas) a partir da primeira dose;
Pfizer para adultos: 21 dias (três semanas), a partir da primeira dose;
Pfizer para adolescentes de 12 a 17 anos: 56 dias (oito semanas) a partir da primeira dose.
Pessoas que farão viagens internacionais podem tomar a segunda dose da AstraZeneca em 28 dias (quatro semanas) e a da Pfizer em 21 dias (três semanas, para todas as idades).
Crianças de 5 a 11 anos: 56 dias (oito semanas) a partir da primeira dose.

DOSE ADICIONAL (reforço)
Janssen para adultos: 61 dias (dois meses) a partir da dose única;
Janssen para imunossuprimidos: 28 dias (quatro semanas) a partir da dose única.
Demais imunizantes:
Pessoas a partir de 18 anos: 4 meses após a segunda dose;
Pessoas com imunossupressão: 28 dias (quatro semanas) após a segunda dose.

SEGUNDA DOSE ADICIONAL
Somente para imunossuprimidos: 4 meses após a primeira dose adicional.

LOCAIS DE VACINAÇÃO – COVID-19

Unidades de Saúde, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16 horas:
Centralizado na UBS Vila Nova (Rua São João, 185);

Crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, deficientes, indígenas e quilombolas, e crianças de 9 a 11 anos sem comorbidade SOMENTE no Centro Esportivo Pita (Rua Arlindo Leandro, 13, Vila Nova) – de segunda a sábado das 9 às 15 horas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM

© Copyright Prefeitura Municipal de Cubatão - 2021. Todos os direitos reservados - DSJ Soluções Digitais