Mais de 300 artistas participam do 4º encontro de Culturas Populares de Cubatão

Apresentações têm início  na próxima segunda-feira (30) e seguem até 5 de outubro. Atividades são realizadas pela Associação Zabelê

Envolvendo mais de 300 artistas, o 4º Encontro de Culturas Populares de Cubatão acontece entre os dias 30 de setembro e 5 de outubro em diversos espaços da cidade. Com programação gratuita, a expectativa é de receber público de até 1500 pessoas, de acordo com a Associação Zabelê que organiza o evento.

A abertura acontece em escolas municipais com a apresentação do curta-metragem “Foi vovó quem falou” com relatos sobre história oral e a importância das lendas que passam de geração em geração. Na segunda-feira (30) às 10h, os alunos da UME Padre Manoel da Nóbrega, no Jardim Casqueiro, recebem a exibição seguida de um bate-papo sobre patrimônio imaterial. Na terça-feira (1º/out) às 13h será a vez dos estudantes da UME Padre José de Anchieta, no Jardim Costa e Silva, receberem a programação
Também serão realizadas ações formativas, feira de moda e artesanato, gastronomia e apresentações artísticas, além da contribuição de movimentos sociais de Meio Ambiente, Cidadania e Direito da Mulheres e Igualdade Étnica e Racial. Haverá espaço para ações de diversos grupos tradicionais da Baixada Santista e Capital, além da Nação de Maracatu Estrela Brilhante (Igarassu/PE), da comunidade de Jongo do Tamandaré (Guaratinguetá/SP) e Aldeias Tekúa Aguapeú (Mongaguá/SP) e Paranapuã (São Vicente/SP).
O 4º Encontro de Culturas Populares percorrerá escolas públicas e a Praça da Independência, contando com a colaboração dos 20 grupos e comunidades envolvidas. “A principal meta é a validação da diversidade do patrimônio imaterial e a união de grupos criativos dispersos, na finalidade de promover a troca de saberes, a preservação de boas praticas de salvaguarda, colocando mestres e grupos da cultura tradicional em contato com o público e com fazedores culturais e artistas populares”, detalha a produtora cultural Juliana Clabunde. Confira a programação do encontro:
>> Exibição do curta “Foi Vovó quem falou – Negras Raízes” e bate-papo sobre patrimônio imaterial
Dia 30/9 – 10h UME Padre Manoel da Nóbrega (Jd. Casqueiro)
Dia 1º/10 – 13h UME Padre José de Anchieta (Jd. Costa e Silva)
>> Oficina de Maracatu de Baque Virado, com Nação Estrela Brilhante de Igarassu (PE);
Dia 4/10 – 10h UME Padre Manoel da Nóbrega (Jd. Casqueiro)
>> Dia 5/10 – Praça da Independência
14h às 22h – Feira de moda, artesanato, gastronomia, oficinas de brincadeiras e brinquedos;
15h – Roda de Capoeira, com grupos Arte e Luta, Brasil Suíça e Meninos Guerreiros;
16h – Simone Ancelmo e Komboio Cultural (Santos).
16h45 – Coroação do Rei e Rainha Mirim Projeto MARACA TU MARACA EU e Grupo Zabelê de Cultura Popular (Cubatão)
17h30 – Apresentação de musica e dança da Aldeia Paranapuã.
Fala sobre os povos originários, Cacique Sérgio e Gilson.
18h30 – Encontro de Maracatu de Baque Virado, com Nação Estrela Brilhante de Igarassu, Zabelê (Cubatão), Mucambos de Raiz Nagô, Cia Caracaxá, Bloco de Pedra, Porto de Luanda, Batuque Urbano, Agô Anamã, Baque CT (São Paulo), Malungos do Baque (Bragança Paulista).
20h – Coco de Pisada, com Grupo Cultural e Artístico Baobá de Malê (Peruíbe);
21h – Roda de Jongo, com Comunidade do Tamandaré (Guaratinguetá), Zabelê (Cubatão), Tiduca (Cananéia);
22h – Encerramento com Forró Pé de Serra do Carcará.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBÉM

© Copyright Prefeitura Municipal de Cubatão - 2021. Todos os direitos reservados - DSJ Soluções Digitais